sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Relacionamentos Como Prática Espiritual



Quando a mente e todas as estruturas sociais, políticas e econômicas que ela criou entram no estágio final de colapso, os relacionamentos entre homens e mulheres refletem o profundo estado de crise no qual a humanidade se encontra atualmente.




Programa Vida Inteligente - Linguagem do Corpo

A vacuidade do espírito




“Um recipiente só é utilizável quando está vazio, e um espírito cheio de crenças, dogmas, afirmações e citações, é na verdade um espírito estéril, uma máquina de repetição.






quinta-feira, 29 de agosto de 2013

O Poder da Vibração das Palavras







Tenho um amigo chamado Alexandre Magno, da Rádio Web "De Bem com a Vida", que registrou um experimento interessantíssimo e que prova o poder da vibração das palavras no mundo físico.








A alquimia da radiestesia







Sem a transferência e troca de energia entre as pessoas e coisas em geral, é impossível que a matéria seja criada. Não se pode criar algo a partir do nada.








O nosso Criador faz o sol brilhar para todos, tanto para os justos como para os injustos. Porém jamais devemos esquecer que um dia acertaremos contas pelo uso indevido das energias que estão a nossa disposição. A lei do retorno está cada dia mais rápida na nossa vida.

Aquilo que realizamos de forma positiva e com boa intenção retornará para nós da mesma forma. Aquilo que se propaga com uma intenção negativa, volta para nossas mãos sempre como uma resposta negativa, associada a fatos ou pessoas de nosso convívio.

Escolhas que deixamos por conta da vida







Estar consciente e alerta representa acima de tudo o crescimento que alcançamos até o presente momento.









Quantas vezes nos pegamos questionando fatos de nossa vida, que até pouco tempo atrás com certeza teriam um desfecho diferente? A maturidade nos leva a deixarmos muita coisa para lá, a sermos somente observadores e nos ocuparmos realmente daquilo que nos fará felizes.

Permitimos muitas vezes que a vida ou as pessoas nos escolham somente pelo que elas veem. Será que somos o que realmente mostramos para os outros?

terça-feira, 27 de agosto de 2013

A radiestesia como instrumento na sua vida




Com o passar do tempo, a Radiestesia, apesar de ser uma ciência milenar, vem se tornando presente na vida das pessoas. E como é um movimento positivo, muitos veem se utilizando deste instrumento que de muita valia pode ser em nossas vidas.





O aspecto inicial sobre o qual todos se preocupam quando escutam falar em Radiestesia é a casa onde moramos, se nela existem veios de água e se dormimos em um local maléfico.

O nosso corpo, como nosso aliado, sempre nos avisa e alerta de que algo não está bom de diversas formas: a pessoa não consegue dormir por horas seguidas, dorme mal, tem pesadelos, grita durante a noite, é sonâmbulo, range os dentes, tem suores ou frio repentino durante a noite, tem insônia, depressão, alergias frequentes ou até por não escutar tudo isso desenvolve uma doença degenerativa.

sábado, 24 de agosto de 2013

Autoacolhimento








Não importa a razão: quando nos sentimos desajustados em nós mesmos, tornamo-nos reféns de nossa própria autocrítica.








sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Sua frequência energética diz o que sua vida é hoje




Podemos passar a vida inteira nos questionando sobre como a nossa vida se desenvolve, os rumos que ela toma, as pessoas que entram e saem de nossa vida.





Mas, o mais incrível de tudo é que nunca pensamos que nossa vida é como um computador e, como tal, somos responsáveis pela programação dela.

Por vezes, ainda me surpreendo em meu consultório quando pergunto para o paciente o que você deseja para sua vida e a pessoa me diz que não sabe. Aprendi de forma humilde e com alguns tropeços que se não sabemos onde queremos chegar, como esse caminho pode ser traçado?

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

A Crença do Não Merecimento






Imagine que você adota um cãozinho vira-lata. Você o leva para a sua casa, alimenta, dá banho, trata, leva ao veterinário e o enche de carinho. Será que esse cãozinho iria pensar "eu não mereço nada disso, meus amigos na rua passando fome e eu aqui com esse luxo todo..."







A Mania de Querer Fazer Perfeito






A criança nasce sem qualquer medo de ser julgada. E é por isso que ela consegue aprender a andar, a falar e fazer as coisas mais incríveis que, às vezes, pra nós parecem até impossíveis que um ser tão pequeno seja capaz de aprender.








terça-feira, 20 de agosto de 2013

Pior do que a infelicidade é nos acostumarmos com ela...




Tenho comentado com algumas pessoas, que me contam o que estão passando, sobre minha percepção de que estamos em um tempo onde tudo que estava oculto está vindo à tona para ser liberado... ser curado...





Parece que o momento em que estamos vivendo é onde cada um de nós vai se deparar com o que estava escondido, com o que estava minando as nossas forças e diminuindo nossa perspectiva de felicidade, sem que nos déssemos conta disso, mas, ao nos ser mostrado, não tem mais como a gente fingir que não viu...

Assim como quando temos uma dorzinha de dente que de tão pequena nem tomamos nenhuma providência... e isso se arrasta por muito tempo... dói só um pouquinho de vez em quando, e não fazemos nada porque logo passa... e acabamos nos acostumando com ela...

sábado, 17 de agosto de 2013

O Poder Mágico da Persistência




As coisas na minha vida raramente aconteceram de uma hora pra outra. As mudanças que sempre quis fazer para melhor, normalmente levaram um certo tempo pra acontecer. Os sentimentos, emoções, crenças limitantes que atrapalham a minha vida pessoal, os relacionamentos e a vida profissional, demandaram, e ainda demandam, investigação e muito trabalho de autoconhecimento e liberação para provocar mudanças práticas na minha vida.






Entre pesos, medidas e preconceitos, quem é você?

Que "beleza não se põe na mesa", todo mundo já ouviu falar. Entretanto, que preconceitos existem aos montes e constrangem muitas pessoas, também sabemos muito bem! E quando se trata de corresponder ao modelo (ilusório) de perfeição que "o mundo" nos cobra insistentemente, parece que seriam raras as pessoas que nunca se sentiriam devendo em algum quesito.


Atualmente, o foco da polêmica está sobre a "gordinha e virgem" da tal novela das nove. Vários estereótipos unidos num mesmo cenário. Porque incomodadas com as dificuldades que enfrentam nos relacionamentos, tanto o personagem como muitas pessoas na vida real terminam acumulando uma série de frustrações: baixa autoestima, insegurança, sentimento de inadequação e rejeição, tristeza, solidão, falta de noção do quanto podem se colocar nas situações cotidianas, entre tantas outras.

Mas se tudo isso é verdade, existe também o outro lado. Isto é, nem todas as pessoas acima do peso ou que sustentam características que fogem do padrão de beleza normatizado pelos meios de comunicação em massa se sentem assim, como se não pudessem ocupar seu lugar no mundo. Muitas, pelo contrário, estão bem satisfeitas com sua singularidade e com quem são. Especialmente porque conseguem reconhecer que são bem mais que um determinado padrão.

Para ir além...




Nossa história pessoal vem sempre com alguns desafios que, conforme os olhamos, podem se transformar em dramas infindáveis, que passam a ser a justificativa pela qual as coisas não podem dar certo em determinados pontos da nossa vida ou... uma grande oportunidade de crescimento e de sucesso.





Só que, muitas vezes, escolhemos olhar para esses desafios com uma visão equivocada, que nos coloca como vítima das situações, levando-nos a alimentar nossos dramas pessoais que se tornam cada vez mais ricos em histórias que nunca têm um final feliz... eles serão sempre a justificativa perfeita para explicar o porquê de nossas vidas não darem certo...

Quantas vezes vemos pessoas contanto e recontando os dramas da infância ou adolescência que foram a causa da infelicidade e da não realização como adultos... sem perceber que recontar o sofrimento passa a ser a única fonte que alimenta e dá emoção a uma vida que ficou presa em histórias onde a vítima é o personagem principal...

domingo, 11 de agosto de 2013

Ouse Fazer Algo Diferente!







Existe uma dificuldade na maioria das pessoas em tentar fazer coisas novas. Manter-se na zona de conforto, fazendo sempre as mesmas coisas, é a tendência. O processo de crescimento se torna lento.








sábado, 10 de agosto de 2013

Por Que Será Que é Tão Difícil Mudar?



Recebi uma pergunta de uma leitora que fazia este questionamento: "Se conheço os defeitos que tenho, estou ciente das formas nocivas de me comportar; por que então não consigo mudar? Por que tenho que fazer tanto esforço, muitas vezes em vão? Por que continuo repetindo os mesmos erros, comportamentos e formas de reagir que só me trazem sofrimento? Quando não estamos conscientes do defeito, eu até entendo que não dá para mudar, mas vejo muitas pessoas que sabem o que precisa melhorar, e que simplesmente não conseguem. Por que é assim?".




Para obter resultados diferentes, faça as coisas de maneira diferente




Para um grande número de pessoas, quando perguntamos como estão as coisas, o que ouvimos como resposta é: estamos indo. Estar indo significa muito, mas muito mesmo em termos de energia, significa uma vida sem sentido, sem motivação, sem sabor e sem cor. Significa não ter vontade de viver, significa empurrar os dias, significa mês após mês sem nada mudar.





Quando nos encontramos mergulhados neste universo cinza, nem ao menos conseguimos perceber que o fator de mudança se encontra na nossa decisão de querer uma vida diferente. Rogamos a tudo que temos direito pedindo por dias melhores, mas o que de fato fazemos para que a mudança ocorra? Sua vida somente se tornará diferente de como é hoje se você fizer coisas diferentes.

Precisamos aprender a pensar de modo certo. Precisamos definir o que realmente queremos para nossa vida, sem conceitos vagos e nebulosos. Para que a mudança ocorra de fato não basta um desejo nebuloso, é necessária a ação.

Um encontro...






Sai de casa apressada com um monte de coisas a fazer, ia repassando tudo na cabeça tentando encaixá-las no tempo que teria e, consequentemente, tirava toda a possibilidade de presente, mas nem me dava conta disso ali naquele dia um pouco agitado.







Passei no banco... em algumas lojas ali perto e, já no supermercado, sempre pensando no futuro, distraída e há não sei quantos quilômetros de distância, me via fazendo planos para tentar apressar o que não pode ser apressado...

Foi quando com toda a minha pressa tive que parar porque um carrinho estava obstruindo a passagem... olhei e vi uma senhora de cabelos brancos presos em coque, pegando alguma coisa na prateleira...

O outro não entende o que você fala?




Talvez você viva com a impressão de que fala chinês com certas pessoas. Sabe quando você diz o que pensa e sente e o outro reage como se você não tivesse dito nada ou, pior, como se tivesse dito exatamente o contrário? É óbvio que uma relação onde a comunicação é tão distorcida se torna tensa, difícil, cheia de conflitos e frustrações.





A questão é: você acha que está sendo claro, objetivo e direto, mas na prática, o que parece é que não está... Ou, por alguma razão, o outro não está conseguindo entender ou validar o que você diz. Validar você. Seus valores e seus desejos. E pode ser que ele nem se dê conta de que está agindo assim. Mas pode ser que ele se dê conta, sim. E continue te ignorando.

Por quê? O que será que você precisa fazer para ser compreendido? Não estou falando de ser obedecido, pois a ideia aqui é tratar de relações onde os dois sejam ouvidos e respeitados. Então, como ser ouvido e respeitado?

terça-feira, 6 de agosto de 2013

O que a Sombra nos revela...





Quando ouvi falar pela primeira vez que... se uma coisa nos incomoda no outro é porque também temos aquilo... nem acreditei.






Com o tempo e a busca por me conhecer melhor... fui entendendo como isso tinha sentido e, com o Ho'oponopono... acabei percebendo que isso não só é verdadeiro mas é um caminho precioso para a nossa liberdade.

Projetamos no mundo ao nosso redor aquelas coisas que mais rejeitamos em nós... algumas coisas que não gostamos até podemos ter consciência delas, mas... as partes mais difíceis de serem aceitas, ficam tão escondidas no território da sombra que, a única forma de olharmos para elas é através do espelho fornecido por pessoas e situações.

Revelando Nossa Sombra




Quando nos vemos obcecados pelos aspectos das sombras de outras pessoas, é porque elas também tocam as nossas.

Estamos acostumados a pensar que não podemos nos ver, a menos que seja no espelho — mas é verdade apenas em certo aspecto.

O fato é que podemos, sim, nos ver, e em cores, ao prestar aten­ção no que observamos em outras pessoas. Somos programados para projetar em outras pessoas as qualidades que não conse­guimos ver em nós. Não é algo ruim. Fazemos isso o tempo todo.




sábado, 3 de agosto de 2013

Liberte-se da Pressão do Tempo








Você já se deu conta do quanto nos deixa felizes e renovados fazer algo que nos leva a esquecer do tempo?








Desenvolvimento da visão interior: (Vipassana)



O essencial, em qualquer método de meditação, é a capacidade de concentração baseada na atenção que requer a focalização da vontade que está atrás de toda ação, tanto física como mental.